logo
09.05.2022 · Vereador Coronel Alírio Villasanti
Vereador Villasanti celebra conquista de seis Pontos de Estacionamento aos moto entregadores na Capital
jrm_0984

Foram dois anos de espera até a concretização da instalação de espaços públicos voltados exclusivamente aos motociclistas e ciclistas que realizam entregas por aplicativo em Campo Grande possam usufruir de condições mínimas de estrutura, como iluminação, cobertura, assentos e rede elétrica.

A Lei Municipal nº 396/2020, sancionada em setembro de 2020, que fixa os pontos de repouso, dando preferência para os corredores “gastronômicos”, onde os profissionais ficam mais perto das lojas e restaurantes, ganhou a implantação do primeiro Ponto de Apoio no dia 4 de abril deste ano, na Praça dos Imigrantes com banheiros, bebedouros e tomadas para os trabalhadores carregarem seus celulares.

Com o novo espaço, a movimentação de entregadores deve ampliar as vendas nos 28 quiosques da praça, que trabalham com gastronomia, artesanato e utilitários regionais.

A criação destes espaços (repouso) surgiu após o aumento de profissionais que trabalham neste setor em Campo Grande, que não tinham locais adequados para descansar entre uma entrega ou outra, nem para alimentação, utilização de banheiro, bebedouro e carregamento do celular.

A ampliação do serviço ganhou espaço devido a pandemia do coronavírus, pelo sistema “delivery”. Coube à gestão municipal fazer a análise técnica, o planejamento e a execução da infraestrutura destes locais, sempre com acompanhamento da Comissão Permanente de Transporte e Trânsito da Câmara Municipal. 

O presidente da Comissão vereador Coronel Alírio Villasanti também destacou que “Durante este período houve várias reuniões com o Ministério Público do Trabalho (MPT) para que sejam garantidos os direitos trabalhistas dos moto entregadores, dando-lhes por consequência dignidade no exercício de suas profissões e também tratativas com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL) para melhorar o relacionamento e criar maior interação, que possibilite uma melhor convivência com ganhos para ambas as partes”.

Os nove Pontos de Estacionamento sugeridos pelos motos entregadores passaram pela análise da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana) e Planurb (Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano) e atualmente já foram implantados em seis locais:

Rua Euclides da Cunha (esquina com a Dr. Paulo Coelho Machado)

Rua Dr. Paulo Coelho Machado (em frente ao Shopping CG, próximo à rua Jintoku Minei)

Rua Arthur Jorge com rua Antônio Maria Coelho (lateral Hipermercado Extra) 

Rua Marechal Cândido Rondon (entre Av. Calógeras e rua 14 de julho)

Rua São Paulo (esquina com rua Bahia)

Rua Oceano Atlântico (próximo à Nova Cap)

“Desde o início me sensibilizei com a causa defendida pelos moto entregadores, que querem exercer a profissão deles com dignidade e também devido a importância que as atividades por eles exercidas tem para a sociedade. Sempre estarei do lado do trabalhador que luta pelos seus direitos e por melhores condições de trabalho. Além do que sou presidente da Comissão Permanente de Transporte e Trânsito, que tem por um dos objetivos melhorar o trânsito de Campo Grande nas suas mais diversas vertentes. Vamos continuar acompanhando e de acordo com a necessidade dos moto entregadores, vamos ampliando este projeto”, concluiu o vereador Villasanti.

Assessoria de Imprensa do Vereador

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.