logo
14.04.2021 · Vereador Dr. Victor Rocha
Vereador Victor Rocha solicita reforma de dez unidades de saúde da Capital
img_1488_ver_dr_victor_rocha_fto_izaias_medeiros

Zelando pela saúde da população, neste início de abril o vereador dr. Victor Rocha (PP) fez dez solicitações à prefeitura para reforma e manutenção de unidades de saúde de Campo Grande. Também solicitou estudo técnico para transformar os quatro Centros Regionais de Saúde em Unidades de Pronto Atendimento.

O parlamentar reconhece que a Prefeitura Municipal tem feito a lição de casa quanto aos investimentos na saúde e na atuação do combate à Covid-19. Porém, acredita que melhorias em unidades de saúde dos bairros pode gerar mais conforto e melhor atendimento à população.

Médico por formação, Victor Rocha é vice-presidente da Comissão Permanente de Saúde da Câmara Municipal e tem um compromisso com a população no âmbito da saúde, considerando sua experiência na área. O vereador também exerceu o cargo de secretário-adjunto de saúde da Capital.

As solicitações entregues à prefeitura incluem a reforma e manutenção das Unidade de Pronto Atendimento (UPAs) dos seguintes bairros: Cel. Antonino, Moreninha III, Santa Mônica, Jardim Leblon, Universitário e Vila Almeida. E dos CRS Tiradentes, Coophavila II, Nova Bahia e Aero Rancho. “Pedimos reforma nas 10 unidades de saúde que atendem os casos de urgência e emergência de Campo Grande”, pontuou Victor Rocha.

Também solicitou estudo técnico para transformar quatro Centros Regionais de Saúde (CRS Aero Rancho, CRS Tiradentes, CRS Coophavila II e CRS Nova Bahia) de Campo Grande, em UPAs (Unidade de Pronto Atendimento). " Nosso objetivo com a transformação dos CRS em UPAs é a ampliação da captação de recursos federais e estaduais para melhorar o atendimento à população. Queremos que nossa gente possa ter atendimento de qualidade e com conforto", finalizou.

 

Assessoria de Imprensa do Vereador Dr. Victor Rocha

 

 

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.