logo
16.11.2021 · Vereador Ronilço Guerreiro
Ronilço Guerreiro apoia abaixo-assinado que pede desapropriação da Casa da Memória Arnaldo Estevão de Figueiredo
33998328

Ronilço Guerreiro tem levantado informações sobre a desapropriação da Casa da Memória Arnaldo Estevão de Figueiredo, um local histórico de Campo Grande e que hoje é sede de uma autoescola. O vereador, em conjunto com membros do Fórum de Cultura, lançou um abaixo-assinado virtual pedindo que a população se manifestasse para que o poder público possa devolver o espaço para a cultura.

“Trata-se de um espaço histórico de nossa Capital e não podemos apagar nossa memória. Quero dizer que não é nada contra a empresa que está lá atualmente, mas precisamos respeitar nossa história. Um local tão importante e numa localização privilegiada tem tudo para se tornar um espaço cultural, com exposições, salas de debate e que vai pulsar cultura no centro da Capital”, destacou Guerreiro.

Pelo documento virtual que pode ser acessado no link https://peticaopublica.com.br/pview.aspx?pi=BR121253 e de acordo com o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental de Campo Grande, o imóvel faz parte da “Zona Especial de Interesse Cultural”, nos termos do que dispõe o art. 31, incisos e parágrafos, da Lei Complementar nº. 341, de 4 de dezembro de 2018.

“A desapropriação por “interesse cultural” do referido imóvel, tem como finalidade, para que ali seja desenvolvidas atividades artísticas e culturais, tais como: cursos, oficinas de música, canto, arte, contação de histórias, ensaios, biblioteca ao ‘céu aberto’, gibiteca central e diversos outros tipos de manifestações culturais. Ou seja, que ali seja instalado um verdadeiro “complexo cultural” para as artes e a cultura de Campo Grande”, diz trecho do documento anexado na petição pública.

Guerreiro ressalta a importância da participação das pessoas na assinatura do documento. “Não podemos deixar nossos espaços serem usados para outros fins que não seja a cultura, pois todos devem participar. É hora de união de forças e buscar uma solução que possa trazer benefícios para nossa arte”.

Assessoria de Imprensa do Vereador

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.