logo
18.10.2021 · Vereador Coronel Alírio Villasanti
Comissão Permanente de Segurança Pública solicita maior número de vagas no concurso da Guarda Civil Metropolitana
img_9427_copy

Recentemente, no último dia de 10 outubro, por meio da Comissão Permanente de Segurança Pública da Câmara Municipal foi solicitado, via ofício, ao Secretário da Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social, Valério Azambuja, o aumento do número de vagas para o atual concurso da Guarda Civil Metropolitana. 

Atualmente, encontram-se em andamento 273 vagas. A solicitação é para que chegue, no mínimo, a 350 vagas. O motivo desse pedido é por entender que o número proposto inicialmente é insuficiente para suprir as inúmeras atividades da instituição. 

“A Guarda Civil Metropolitana vem desenvolvendo um trabalho de excelência em nossa Capital, e nada mais justo que valorizar o profissional da Segurança Pública”, disse o vereador e vice-presidente da Comissão Permanente de Segurança Pública, Coronel Alírio Villasanti. 

De acordo com a lei Complementar 358/2019, o efetivo de cargos da carreira da Guarda Civil Metropolitana fica limitado a 2% da população e, se houver redução da população, conforme censo da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), fica garantida a preservação do efetivo existente.

Campo Grande conta com 916.001 mil habitantes residentes segundo fonte do IBGE, sendo que 2% totalizariam 1.832 servidores da GCM. Atualmente, a Guarda conta com 1.036 servidores, podendo chegar a 1.750 até dezembro de 2025, como consta na forma do disposto no artigo 65 da mesma Lei Complementar.

“Cuidar da Segurança Pública é a minha missão. Por meio da Comissão Permanente de Segurança Pública estamos trabalhando para levar mais dignidade ao servidor público e mais segurança à população”, concluiu.

Laila Carriel

Assessoria de Imprensa do Vereador Coronel Alírio Villasanti

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.