logo
04.06.2013 · Projeto
Câmara promulga reajuste vetado pelo Executivo e servidores são beneficiados
54d12f58c7052b295092f3ac21d3176b

A manhã desta terça-feira (4) foi marcada por uma grande conquista para os servidores públicos municipais, principalmente os que atuam na área da saúde. O presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Mario Cesar (PMDB) promulgou durante a sessão ordinária os dispositivos vetados pelo Poder Executivo, que concedem reajuste para os funcionários públicos da área da saúde, com benefícios exigidos pela categoria há muito tempo.

 

A promulgação das quatro emendas de autoria dos vereadores da Casa de Leis será publicada na edição de quarta-feira (5) do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande). Diante do silêncio do Executivo, os artigos foram promulgados pelo presidente da Câmara de Vereadores, já que o prazo de 48 horas para o Poder Executivo promulgar expirou hoje.

 

Com isso, a partir de quarta-feira (5), as emendas vetadas pelo Executivo, cujo veto foi derrubado pelos parlamentares com 27 votos, passa a vigorar no município e o reajuste concedido deve ser cumprido pela Prefeitura Municipal.

 

Dessa forma o reajuste vigente para o ano de 2013 passa a ser acrescido do reajuste de 15% para as categorias de odontologia, veterinária, enfermagem, assistente social e farmácia-bioquímica, das referências 13, 14 e 15. Assim como o plantão para os profissionais de fonoaudiologia, fixado em R$ 583,97, nos feriados e finais de semana. Além de adicional de insalubridade a todos os servidores da área de saúde. E por fim, o reajuste de 15% às vantagens pessoais incorporadas e outras vantagens financeiras.

 

Paulline Carrilho
Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.