logo
15.07.2019 · Vereador William Maksoud
Vereador William aceita desafio de andar de ônibus e participa de audiência pública para discutir os problemas
whatsapp_image_2019_07_15_at_13_01_44

Nesta manhã de segunda-feira (15), o vereador e vice-presidente da Comissão Permanente de Transporte e Trânsito, William Maksoud aceitou o desafio proposto por um jornal de Campo Grande, pegou o ônibus próximo a sua residência e foi até a Câmara Municipal, onde ocorreu a audiência pública que discutiu as melhorias para o transporte público da Capital.

Em uma das linhas, o vereador escutou o porteiro Marcos Roberto da Silva Maciel, que inclusive, estava indo participar da audiência. “Eu trabalho a noite, pego os ônibus menores, caindo os pedaços. Fiz a denúncia no Procon, mas até agora não me deram resposta”, disse o porteiro.

O vereador ouviu a reclamação e garantiu que o seu papel enquanto fiscalizador será realizado. “Precisamos de melhorias no transporte público, por isso a importância da audiência pública, somente por meio dela que acharemos as soluções”, enfatizou.

O parlamentar esclareceu ainda porque não assinou a CPI para investigar o Consórcio Guaicurus. “Precisamos esgotar todas as chances, até agora nenhum órgão se opôs a nos prestar contas. A CPI tem um prazo de 120 dias para ser concluída, com prorrogação de mais 60. Ou seja, visto o prazo de mandato que temos, não é uma CPI que vai resolver o problema”, conclui.

Da audiência, participaram os representantes da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), da Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos (Agereg), do Consórcio Guaicurus, do Conselho de Usuários do Transporte Coletivo, Associação dos Usuários do Sistema Integrado de Transporte Urbano e Estadual Rodoviário (Ussiter) e Ministério Público Estadual.

Assessoria de Imprensa do Vereador

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.