logo
02.04.2019 · Vereador Ademir Santana
Vereador Ademir Santana fala da importância do diálogo com os jovens
img_20190402_wa0043

Ao usar a palavra livre, durante a sessão desta terça-feira, o vereador Ademir Santana falou sobre o aumento do número de jovens e adolescentes com quadro de depressão, baixa auto-estima, automutilação e intenções suicidas entre outros assuntos que assolam a juventude de hoje.

Durante o discurso, o vereador ressaltou a importância de acompanhar o dia-a-dia dos jovens, principalmente com o uso desenfreado da internet “Hoje o acesso as mídias sociais é muito intenso e muitas vezes não prestamos atenção o que nossos jovens estão assistindo ou fazendo pela rede”.

O parlamentar falou sobre a falta de diálogo dentro de casa e com isso, procuram atenção fora ou nas redes sociais. “Não sabemos com quem nossos filhos estão conversando, ou que estão fazendo. Precisamos traze los para perto de nós, precisamos valorizar nossa juventude, com atividades extracurriculares, aulas de civismo e reforço escolas, por exemplo”, avalia.

Ainda durante seu discurso, o parlamentar comentou sobre a iniciativa da Prefeitura Municipal de Campo Grande, que com o projeto Valorização da Vida, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação, capacitou dezenas de profissionais da área e que já atendeu mais de mil alunos em situação de risco.

“A prefeitura está de parabéns pelo projeto, mas precisamos ampliar esse atendimento para que seja feito em todos os pontos da Capital. Aulas extracurriculares, como futebol, ballet, artes marciais, entre outras, podem fazer com que nossos jovens tenham outros olhos para a vida”, avalia. O parlamentar ressalta ainda que há falta de civismo por parte dos jovens. “A grande maioria não sabe e não conhece os hinos brasileiros. Precisamos trazer nossos jovens para juntos de nós”.

Santana, reforça ainda que a prefeitura poderia ampliar a parcerias com associações de moradores, Ongs e entidades para aumentar o número de atendimentos nos bairros da Capital. “Existem muitos prédios abandonados que a prefeitura pode usar para oferecer esse tipo de atividade”, comenta.

Ademir Santana comenta ainda que o gasto com a recuperação com um jovem em situação de risco é maior do que se gastará na prevenção. “È melhor prevenir do que remediar”, finaliza.

Projeto - A superintendente de Gestão e Normas da Secretaria Municipal de Educação, Alélis Izabel de Oliveira Gomes, apresentou na manhã de hoje, o Projeto Valorização da Vida, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação, para capacitação de profissionais da área e que já atendeu mais de mil estudantes.

Assessoria de Imprensa do Vereador Ademir Santana fala da importância do diálogo com os jovens

Ao usar a palavra livre, durante a sessão desta terça-feira, o vereador Ademir Santana falou sobre o aumento do número de jovens e adolescentes com quadro de depressão, baixa auto-estima, automutilação e intenções suicidas entre outros assuntos que assolam a juventude de hoje.

Durante o discurso, o vereador ressaltou a importância de acompanhar o dia-a-dia dos jovens, principalmente com o uso desenfreado da internet “Hoje o acesso as mídias sociais é muito intenso e muitas vezes não prestamos atenção o que nossos jovens estão assistindo ou fazendo pela rede”.

O parlamentar falou sobre a falta de diálogo dentro de casa e com isso, procuram atenção fora ou nas redes sociais. “Não sabemos com quem nossos filhos estão conversando, ou que estão fazendo. Precisamos traze los para perto de nós, precisamos valorizar nossa juventude, com atividades extracurriculares, aulas de civismo e reforço escolas, por exemplo”, avalia.

Ainda durante seu discurso, o parlamentar comentou sobre a iniciativa da Prefeitura Municipal de Campo Grande, que com o projeto Valorização da Vida, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação, capacitou dezenas de profissionais da área e que já atendeu mais de mil alunos em situação de risco.

“A prefeitura está de parabéns pelo projeto, mas precisamos ampliar esse atendimento para que seja feito em todos os pontos da Capital. Aulas extracurriculares, como futebol, ballet, artes marciais, entre outras, podem fazer com que nossos jovens tenham outros olhos para a vida”, avalia. O parlamentar ressalta ainda que há falta de civismo por parte dos jovens. “A grande maioria não sabe e não conhece os hinos brasileiros. Precisamos trazer nossos jovens para juntos de nós”.

Santana, reforça ainda que a prefeitura poderia ampliar a parcerias com associações de moradores, Ongs e entidades para aumentar o número de atendimentos nos bairros da Capital. “Existem muitos prédios abandonados que a prefeitura pode usar para oferecer esse tipo de atividade”, comenta.

Ademir Santana comenta ainda que o gasto com a recuperação com um jovem em situação de risco é maior do que se gastará na prevenção. “È melhor prevenir do que remediar”, finaliza.

Projeto - A superintendente de Gestão e Normas da Secretaria Municipal de Educação, Alélis Izabel de Oliveira Gomes, apresentou na manhã de hoje, o Projeto Valorização da Vida, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação, para capacitação de profissionais da área e que já atendeu mais de mil estudantes.

Assessoria de Imprensa do Vereador

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.