logo
19.03.2019 · Palavra Livre
Presidente de Associação apresenta desafios para preservação da Bacia do Guariroba
img_8714_claudinei_menezes_pecois_fto_izaias_medeiros

Próximo ao Dia Mundial da Água, celebrado no dia 22 de março, a Câmara Municipal trouxe para o Plenário o debate sobre a preservação da Bacia do Guariroba, durante a sessão ordinária desta terça-feira (19). A convite do vereador Eduardo Romero, o presidente da Associação de Restauração, Conservação e Preservação de Produtores de Água da Bacia do Guariroba, Claudinei Menezes Pecois, ocupou a Tribuna para pedir apoio para novas ações e apresentar o trabalho que já está sendo feito pela entidade. 

O Guariroba responde por 34% do abastecimento de água da cidade, mas há potencial para alcançar até 100%. “Essa Associação está fazendo trabalho de preservação e recomposição das matas, mas é importante a população saber de onde vem a água que chega até sua casa”, disse.  

Foi exibido vídeo mostrando a relação entre desmatamento, aumento do calor e a falta de água, destacando a importância da mata ciliar. Pecois entregou relatório aos vereadores apresentando o trabalho da Associação, existente há 23 anos, e citando as metas para conservação da Área de Proteção Ambiental (APA) Guariroba.  

Ele destacou o Programa Manancial Vivo e a parceria formada com 54 proprietários rurais da região que participam de reuniões mensais com a prefeitura e desenvolvem ações para preservar a água. Nas propriedades que aderiram ao projeto, houve redução de 90% nas erosões. “Uma das metas é ter a participação de 100% dos proprietários e restaurar 60 hectares em 3 anos”, disse Pecois.  

Com apoio de parceiros, milhares de mudas já foram plantadas na região. Nesta semana, a  Associação promove série de eventos e na quinta-feira, durante toda tarde haverá recuperação de nascente no Guariroba, com acadêmicos e professores do curso de Biologia da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

O vereador Eduardo Romero reforçou a importância do trabalho da Associação apresentado no relatório, bem como os desafios ainda existentes. “O meio ambiente é responsabilidade de todos. Não tem como uma ação de um único poder ser responsável e dar resultado. A associação tem mostrado que existem desafios, mas há trabalho de mãos dadas, com poder público, produtores e terceiro setor. A APA do Guariroba é exemplo de área de conservação para o Brasil inteiro”, afirmou  

Serviço – Quem quiser saber mais informações e conhecer o trabalho da Associação pode acessar o site http://arcpguariroba.com.br/

 

Milena Crestani 

Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal 

 

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.