logo
06.04.2017 · Vereador Profº. João Rocha
“Precisamos pensar a Campo Grande rural”, diz Profº. João Rocha na 1ª Câmara Participativa
img_3930_ver_joao_rocha_na_camara_participativa_fto_izaias_medeiros

Pensar Campo Grande além de seu perímetro urbano, com olhos voltados também aos produtores rurais da cidade. Assim o presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Prof.º João Rocha, definiu a 1ª edição da Câmara Participativa, que lotou o auditório da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) e reuniu representantes de diversos setores na noite desta quarta-feira (05).

Segundo o parlamentar, a intenção do projeto é envolver os segmentos da socidade. “O agronegócio é muito importante. Precisamos pensar a Campo Grande rural, abrir oportunidade para que todos falem. Aqui, os vereadores ouviram. Vamos colher informações, um material significativo daquele que vive o dia a dia do campo. Assim, vamos oferecer ferramentas para que possam desenvolver suas atividades”, afirmou.

Durante a sessão, foram colhidos 20 tópicos que poderão ser transformados em indicações, projetos de lei e encaminhamentos que serão levados ao Executivo. “É o nosso feito para com segmento e com a sociedade. Temos vontade política de fazer melhor, de honrar a confiança que nos foi depositada nas eleições. Quero destacar o quanto foi rica essa nossa sessão, aprendemos muito, temos muito material para trabalhar", disse o chefe do Poder Legilativo. 

A Câmara Participativa foi o primeiro evento externo da Câmara Municipal de Campo Grande a ser transmitido ao vivo pelo Facebook, permitindo que toda a população pudesse acompanhar em tempo real as discussões e propostas apresentadas no evento, que reuniu autoridades e cidadãos ligados ao setor do agronegócio e da agricultura familiar.

Assessoria de Imprensa do Vereador

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.