logo
07.11.2019 · Palavra Livre
Major fala da portaria assinada pela Polícia Militar de MS para incentivo ao aleitamento materno
img_1373_maj_maria_eleutrio_de_arruda_fto_izaias_medeiros

A sessão ordinária desta quinta-feira (7), contou com a participação do comandante geral da Polícia Militar, coronel Waldir Ribeiro Acosta e da Major Maria Eleutério de Arruda, que usou a Tribuna da Casa de Leis para falar sobre a modificação da lei que permite às mães policiais uma jornada de trabalho diferenciada para o aleitamento materno. O convite para falar do tema foi feito pelo vereador Betinho.

A Polícia Militar de Mato Grosso do Sul (PMMS) assinou uma portaria que regulamenta a amamentação das policiais militares durante sua jornada de trabalho até que a criança complete 18 meses, prevendo intervalos que possibilitem a profissional realizar a amamentação.

De acordo com a major Maria, a portaria tem o objetivo de apoiar e incentivar a amamentação. “Nosso comandante tem um olhar muito humanitário, tem tido essa visão dentro da administração dele, assinou a portaria que possibilita ter intervalos entre as jornadas, intervalo de 30 minutos para propiciar o aleitamento e, também, foi propiciado não pegar o serviço noturno até o 18° mês, o que aumenta mais ainda a continuidade da amamentação”, explicou.

Emocionada, major Maria falou da importância do incentivo à amamentação. “Não consigo imaginar como as mães deixavam seus bebês para cumprir a jornada integral, não precisei deixar meu filho a noite para trabalhar, espero que outros órgãos possam possibilitar esse benefício para as mães amamentarem e manter o vínculo afetivo com os seus filhos”, disse.

Por fim, o coronel Waldir Ribeiro Acosta explicou que a portaria foi assinada para apoiar a amamentação. “Essa portaria foi assinada a fim de apoiar a amamentação que é tão importante para a criança e para a mãe, para nós foi muito importante atender o pedido dessas policiais femininas”, destacou.

Dayane Parron
Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal

 

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.