logo
17.10.2017 · Vereador Ademir Santana
Em busca de apoio ao Projeto de agricultura urbana, vereador Ademir Santana visita diretor presidente da Agraer
1

Acompanhado de Cláudio Serra, representante da Coordenadoria de Articulação do Governo do Estado para Campo Grande, o vereador Ademir Santana reuniu-se nesta segunda-feira com o Diretor Presidente da Agraer, Enelvo Felini, em busca de apoio para a implementação da agricultura urbana na Capital, caso seu projeto de lei, que já tramita na Câmara Municipal, seja aprovado e sancionado pelo Prefeito Marquinhos Trad.

O vereador relata que tem buscado diálogo com diversos setores que possam ter qualquer identificação com o assunto, como forma de demonstrar aos seus colegas parlamentares e também sensibilizar o prefeito municipal sobre a questão. “Tenho peregrinado em busca de apoio. Meu projeto não é uma peça de um cidadão só, mas é feito a muitas mãos e precisa de muitas outras para colocarmos tudo o que desejamos em prática. As áreas públicas ociosas em Campo Grande são enormes, precisamos de gente e de empresas com interesse em fomentar a agricultura urbana. Não vou sossegar enquanto não estiver tudo funcionando conforme nós planejamos”, destacou o parlamentar.

Durante a reunião, Enelvo Felini fez questão de relatar a importância e magnitude de um projeto como esse, destacando, sobretudo, a função da agricultura urbana em suprir as necessidades dos moradores locais. “É muito louvável sua atitude, vereador. O uso de áreas públicas ociosas com o plantio de alimentos traz muito mais benefícios do que se possa imaginar, mas, sem dúvida, reduzir o déficit de produção local é um dos mais importantes, haja vista que mais de noventa por cento do hortifruti que consumimos hoje em Campo Grande vem de fora da cidade”, foram as palavras do diretor presidente da Agraer.

Por outro lado, Claudio Serra destacou a vontade do governado do estado em auxiliar no que for preciso para que, em conjunto com a prefeitura municipal, as ações, caso o projeto seja aprovado, sejam realizadas com maior brevidade possível. Cláudio afirmou durante a reunião, que o governador Reinaldo Azambuja está bastante sensível à questão e pronto para ajudar no que estiver ao alcance da estrutura pública estadual.

A reunião, que durou pouco mais de uma hora, terminou com propostas de novos encontros no decorrer de todo o processo, para que sejam alinhados os pontos em que a Agraer poderá contribuir em favor da implementação dos polos de produção. Ademir Santana mostrou-se bastante otimista e acredita que o projeto tem tudo para ser aprovado e sancionado, porque só traz vantagens para a população campo-grandense. “Saí da reunião bastante confiante. A Agraer pode nos ajudar de muitas formas, disponibilizando técnicos especializados, fornecendo sementes, disponibilizando máquinas e equipamentos. Isso tudo foi pauta hoje e tivemos uma sinalização bem positiva do presidente da agência. Por esses e outros exemplos de receptividade, tenho motivos de sobra para acreditar que esse será um projeto histórico para a nossa capital’, destacou.

O vereador afirmou ainda que a boa vontade do governo do estado e da prefeitura municipal em estarem juntos nessa empreitada também são diferenciais muito positivos para que a agricultura urbana seja implementada rapidamente. “Tanto o prefeito Marquinhos Trad quanto o governador Reinaldo Azambuja são simpáticos à ideia e isso para mim já é uma grande vitória. Sei que a decisão do dirigente municipal será técnica e embasada nos argumentos que nós oferecemos a ele, mas, quanto a isso estou bem tranquilo, porque o projeto é viável, gera empregos, traz resultados econômicos importantes e ainda deixa a cidade com aspecto muito mais saudável, colocando Campo Grande no rol de cidades mais compromissadas com o bem-estar da sua população”.

Guto Dobes

Assessoria de Imprensa do Vereador

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.