logo
21.05.2020 · Vereador Chiquinho Telles
Chiquinho Telles pede que Energisa retome atendimento presencial em apoio a consumidores
chiquinho_telles_energisa

Não são poucas as reclamações que o líder do prefeito na Câmara Municipal de Campo Grande, vereador Chiquinho Telles (PSD), tem recebido por parte dos consumidores da Energisa. Eles criticam a falta de atendimento presencial por parte da concessionária.

Preocupado principalmente com os mais idosos; as pessoas que não têm conhecimento em navegação por internet, e ainda com aqueles que estão passando por sérias dificuldades financeiras, durante sessão ordinária desta quinta-feira (21.5), o Parlamentar encaminhou ofício ao diretor-presidente da Energisa, Marcelo Vinhaes Monteiro, para que retome o mais urgente possível o atendimento presencial.

 

 

De acordo com Chiquinho Telles, muitos consumidores têm reclamado também que o atendimento feito por meio do telefone tem deixado muito a desejar, e essa apontada ineficiência penaliza ainda mais a situação daqueles que necessitam dos serviços oferecidos pela concessionária.

Com as devidas medidas de biossegurança, argumentou Chiquinho Telles, nada impede que a Energisa retorne com o atendimento presencial, “agora o que não pode é a população ser prejudicada, sem conseguir resolver os problemas referentes aos serviços prestados pela concessionária”.

Em Campo Grande, as unidades da Energisa não prestam atendimento presencial desde o último dia 23 de março. O Vereador entende que o fechamento das portas da Energisa ao público teve como objetivo proteger os seus colaboradores, porém, “é preciso pensar também naqueles que não conseguem ter acesso aos serviços disponibilizados por meio digital e pelo call center, já que para isso é só respeitar o distanciamento social entre atendentes e os consumidores, assim como cumprir as medidas de biossegurança”.

 

Assessoria de Imprensa do Vereador

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.