logo
10.10.2018 · Vereador Delegado Wellington
Vereador Delegado Wellington faz intermediação entre candidatos e governo do estado sobre concurso público
img_1898

A comissão organizadora do concurso público para o cargo de agente de Polícia Judiciária da PCMS (Polícia Civil de Mato Grosso do Sul) anunciou nesta terça-feira (9) a eliminação da prova de digitação do cronograma do exame, após intermediação feita pelo Vereador Delegado Wellington (PSDB) entre os candidatos reprovados e o governo estadual para que a prova de digitação fosse retirada. Edital nesse sentido foi publicado no Diário Oficial do Estado desta quarta (10). A medida foi comunicada após denúncias de que o conteúdo dos exames havia vazado.

O Vereador Delegado Wellington afirma que a decisão foi tomada para garantir “celeridade e igualdade de competição entre os 872 candidatos” que avançaram para a sexta fase do certame e dar prosseguimento às próximas etapas.

De acordo com o Vereador Delegado Wellington, a justiça está sendo feita, pois o certame estava sendo investigado pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) através de denúncias sobre o vazamento do conteúdo da prova de digitação para os cargos de escrivão e investigador, que havia sido registrado no caso de um candidato que deixou o local com a prova feita em mãos no sábado (8) –quando o correto seria deixar a mesma para que fosse feita a correção.

Tendo sido agradecido por uma comissão de candidatos reprovados pela excelente articulação.

É a justiça sendo feita, com o “Compromisso em Proteger o Povo e Servir a Lei” 

 

Assessoria de Imprensa do Vereador 

Acessibilidade com Libras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Campo Grande pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras. Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.